xml !

sábado, agosto 30, 2008

OS MEDIA NÃO SÃO A REALIDADE

ESTADO DE HISTERIA

"Todos os dias das últimas semanas fomos assaltados por notícias de assaltos. Como se quisessem certificar que, ao contrário do que tantos haviam festivamente predito, a morte do assaltante no BES de Campolide às balas dos snipers da PSP não fora "dissuasora" e o País não ficara "mais seguro", os ladrões do país decidiram não tirar férias em Agosto e fazer da arma de fogo um utensílio habitual. Houve até um caso com utilização de explosivos, à Hollywood.

Como em Março (lembram-se?) se falara de "uma onda de homicídios", agora fala-se de "onda de crime violentos". E se é certo que a sequência não foi inventada pelas TV para animar a silly season, ocorrências que antes não mereceriam mais que um rodapé passaram a, por efeito de arrasto, ter uma repercussão mediática desproporcionada."



Fernanda Câncio, jornalista
, ontem, no DN

Nunca é demais insistir na distinção entre a realidade e a sua representação.