xml !

sábado, abril 14, 2007

A ENTREVISTA AO PRIMEIRO MINISTRO

António Brotas não se cansa dos nos alertar para as ambiguidades e dúvidas da construção da OTA. Desta vez, não esquece as responsabilidades partilhadas pela comunicação social.

"O que me pareceu extraordinário, ontem, na Televisão, não foi a entrevista do Primeiro Ministro, mas os comentadores que se seguiram (em vários programas) que se mostraram absolutamente incapazes de se interessarem pelos problemas com real importância para o País, como é o caso do problema do aeroporto da Ota, referido pelo Primeiro Ministro."

António Brotas, in SÓ TEXTOS