xml !

segunda-feira, junho 05, 2006

IMAGENS SOBRE A VIOLÊNCIA NAS ESCOLAS

O início da artigo de Eduardo Cintra Torres, no Público de ontem:

"Com pompa, circunstância e a verborreia habitual de "serviço público" lá arrancou na RTP1 o programa Em Reportagem que sempre deveria ter existido. As primeiras reportagens foram vulgares, iguais ou piores a muitas que a SIC e também a TVI têm vindo a apresentar há anos, canais onde se inscrevem no trabalho normal de estações de TV, mas sem o blá-blá-blá do "serviço público".
Na TVI, e em especial na SIC, têm passado reportagens interessantes que aprofundam temas que os noticiários abordam pela rama. Mas a reportagem de Mafalda Gameiro, Quando a Violência Vai à Escola... (RTP1, 30.05) teve um impacto social grande, pelo que merece destaque. Como referiu Eduardo Prado Coelho, há muito se sabia da indisciplina e violência em escolas - mas coisa diferente é vê-la, filmada com câmaras ocultas em salas. O que mais impressionou nas longas sequências foi o ar de normalidade daquilo para os frequentadores das salas (não falemos, nestes casos, em "alunos", "professores" ou em "aulas").
As imagens de câmara oculta valorizaram, e de que maneira, os depoimentos de professores anónimos, que não quiseram dar a cara, como se fossem criminosos ou vivessem num mundo de terror. Sem o testemunho das salas de aula, aqueles depoimentos seriam mais uns, como os que passam por vezes nos noticiários.
A reportagem não esteve isenta de erros. Foi longa demais para o material que apresentou, não contextualizou a escola mostrada, evitando a investigação em escolas onde a violência não ocorre mas a indisciplina se tornou a norma."